terça-feira, 14 de setembro de 2010

O novo!

Me impressiona como o ciclo de uma vida muda conforme o tempo. As vezes, apenas alguns minutos são suficientes para apagar qualquer sentimento que esteja frequente em nossa mente, sendo ele bom ou ruim.
Há pouco, como é de se perceber, sofria profundamente por uma perda que era quase que aparentemente insuperável, e hoje, estou aqui, firme e forte, começando algo novo e muito feliz.
Outro dia estive doente, de fato, bastante doente. Mas o drama que criei em volta disso foi algo tão assustador, que hoje, lendo o que escrevi me assusto um pouco e me comovo com a minha própria história. Não mais a dramas, histórias ou qualquer tipo de coisa relacionada a sofrimentos profundos. Sinto como se estivesse me recuperado de um grande vazio.
A partir de agora, coisas novas e textos novos, com outra cara.

Nenhum comentário: